Divulgação de Projetos - Português para Estrangeiros na Rede de Bibliotecas de Lisboa

A Rede de Bibliotecas de Lisboa (BLX) iniciou em 2016 a ação Português para Estrangeiros (PTE) que visa dotar o público adulto estrangeiro, através da aprendizagem não formal, de conhecimentos básicos a nível vocabular e gramatical, que lhes permita a inserção social, económica e profissional apostando numa partilha descontraída de informação e na prática da conversação.

As BLX foram criadas em 1883. Com mais de 100 anos, as BLX têm 17 Bibliotecas distribuídas pela cidade de Lisboa e uma Biblioteca Itinerante. Ao longo dos anos tornaram-se mais ativas e críticas para responder aos desafios do novo século. A Rede de Bibliotecas de Lisboa tem por missão participar na construção de comunidades coesas, inclusivas e preparadas para os desafios do século XXI, fomentando uma atitude de aprendizagem ao longo da vida.

 

Ação PT para Estrangeiros (PTE)

Incluído num programa que pretende promover a inclusão através da ampliação de competências linguísticas, a ação PT para Estrangeiros (PTE), teve início em 2016 na Rede de Bibliotecas de Lisboa (BLX), nomeadamente na Biblioteca da Penha de França (BPF). Em março de 2018, teve início na Biblioteca de S. Lázaro (BSL) e está previsto o alargamento da atividade à Biblioteca Palácio Galveias (BPG), a partir de Outubro de 2018.

O PTE teve início na busca da BPF para dar resposta a uma necessidade manifestada pela comunidade local, quer a nível particular, quer a nível institucional, nomeadamente de diversas Instituições Privadas de Apoio Social, Santa Casa da Misericórdia e organizações Não-governamentais. Estas entidades acolhem, apoiam e orientam, por exemplo, famílias cujas crianças são integradas no percurso escolar obrigatório português, mas cujos pais não falam ou não dominam a língua portuguesa. Para que a comunicação entre pais e sistema educativo se efetue de forma eficaz, estas instituições encetam um trabalho extra no âmbito da ampliação de competências culturais e linguísticas dos pais, que permitam a longo prazo não só a melhor integração social destas crianças e jovens, como um melhor acompanhamento das necessidades e exigências educativas dos seus filhos.

Cientes dessa necessidade, a BPF desenvolveu a ação PTE, com o objetivo de dotar o público adulto estrangeiro, através da aprendizagem não formal, de conhecimentos básicos a nível vocabular e gramatical, que lhes permita a inserção social, económica e profissional, apostando numa forma descontraída e na prática da conversação. São aliás estas as características inovadoras que distinguem esta ação de outras nesta área, lecionadas em ambientes escolares. O PTE tem uma componente teórica e gramatical assente nos Níveis A1 e A2 das orientações curriculares facultadas pela Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional, IP, para o ensino do Português como língua Não Materna. Está estruturado em ciclos de sessões semanais ou bissemanais, de 90 minutos cada, em número e periodicidade a definir. Cada Biblioteca encontra os moldes mais adequados à sua realidade e às necessidades do grupo que reúne.

Para além da aquisição de competências linguísticas, o maior impacto evidenciado pelos participantes é o facto de encontrarem na biblioteca um espaço de acolhimento seguro em que travam novas amizades, por vezes do mesmo país de origem, ou com situações familiares e sociais semelhantes, que lhes permite colmatar outras lacunas a nível de socialização. Este facto é especialmente relevante uma vez que alguns destes participantes possuem diversas situações de carências de autoestima, de insegurança e até de solidão.

Em março de 2018, as BLX ampliaram a oferta territorial para uma segunda freguesia da cidade de Lisboa, através da Biblioteca de São Lázaro (BSL). Esta biblioteca está inserida na freguesia de Arroios, que é uma das freguesias mais multiculturais do país. A BSL desenvolveu estas sessões de conversação semanais, entre Março e Junho.

Face à elevada procura dos cidadãos, ao nível de satisfação dos participantes e ao facto da Rede BLX fazer uma cobertura total da cidade de Lisboa, está perspetivado o alargamento territorial, de horários e de níveis de aprendizagem destas ações. Assim, já a partir de Outubro de 2018, a Biblioteca do Palácio Galveias (BPG) irá igualmente desenvolver sessões de conversação semanais em Português, não só para acolher os muitos estudantes Erasmus em Lisboa, mas também para dar continuidade às sessões de nível inicial oferecidas pela BPF e pela BSL.

Consulte aqui a Rede das Bibliotecas de Lisboa: http://blx.cm-lisboa.pt/gca/index.php?id=139

Divisão da Rede de Bibliotecas

Palácio do Machadinho

Rua do Machadinho, 20

1249-150 Lisboa

Tel.: 218 170 900

E-mail: blx@cm-lisboa.pt

Tópicos: Tags: